banner_dominicanas1 banner_dominicanas2 banner_dominicanas3 banner_dominicanas4 banner_dominicanas5 banner_dominicanas6 banner_dominicanas7

Memória dia 20 de maio 2016

Na oração de LAUDES com o textode Mateus 6,19-21 “Não acumulem para si tesouros na terra, donde a polilha e o óxido destroem, e donde os ladrõesse metem a roubar. Mas antes, acumulem para si tesouros no céu, donde nem a polilha nem o óxido carcomem, nem os ladrões se metem a roubar. Porque donde o teu tesouro, ali estará também o teu coração”. Fomos convidadas a centrar-nos no significado que para nós tem o uso dos bens materiais, considerados não como um fim em si mesmos, senão um meio para lograr o objetivo que lhe queremos dar para a comunicação de bens e a missão.

 

Fomos refletindo em silêncio a leitura do livro da Sabedoria que várias irmãs iam lendo, essa sabedoria que muito especialmente pedimos a Deus nesta nova jornada de trabalho:

Envia-a desde os teus santos céus,
e do teu trono de glória envia-la,
para que me assista em meus trabalhos
e venha eu a saber o que te é grato.”

Antes de iniciar o trabalho, tivemos muito presente o povo de Timor que hoje celebra o aniversário da sua independência e nos puseram um vídeo do internado que dirigem as nossas irmãs em Oecusse, Timor Leste. Também recebemos com tristeza a notícia do falecimento do jornalista Miguel de la Quadra-Salcedo, que realizou a arriscada missão de fazer uma reportagem sobre a guerra no Congo e, com a valentia que sempre o caraterizou, conseguiu resgatar o sacrário e alguns objetos pessoais das nossas queridas Irmãs Mártires do Congo. Na Eucaristia que se celebrou em Madrid com motivo dos 50 anos do Martírio das nossas irmãs, deu o seu testemunho carregado de emoção e sentimento. Que Deus o tenha na sua Santa Glória.

Num breve espaço, ao início da jornada de trabalho, a Ir. Araceli voltou a retomar o tema de los depósitos (fundos), para fazer algumas aclarações concetuais. Deram-se as indicações para o trabalho de grupos, que se realizou em dois momentos da manhã.

Pela tarde tivemos o plenário, com a presença de Javier Poveda, quem à medida que se iam apresentando os temas, nos foi indicando algumas observações que nos ajudem a centrar a nossa atenção para as decisões que vaiamos a tomar em torno à Economia.

Para distender a aridez do tema de trabalho, Javier nos projetou um vídeo divertido, mas simultaneamente nos oferecia a mensagem da importância de ser realista, saber o que queremos lograr, que devemos mudar e que estratégias buscar.

Concluímos o intenso dia de trabalho interpeladas por várias perguntas que Javier nos deixou para continuar o trabalho no dia seguinte.

Fotogalerias

Bairro 6 de Maio
Casa Provincial
Colégio Flori
Capítulo
Fundadores
Moçambique
Mocambizade
Peregrinação Fátima
Retratos de Família
Semana Santa Moçambique